Mulheres israelenses em luta pela paz

 

Machsom Watch foi fundada em 2001 por Ronnee Jaeger, que trabalhou anteriormente na aárea de direitos humanos na Guatemala e no México; Adi Kuntsman, que chegou a Israel por parte da União Soviética, em 1990; e Yehudit Keshet, uma ex-judia ortodoxa e estudiosa de ética talmúdicas, em resposta a alegações de violações dos direitos humanos na IDF e postos de controle de fronteira pela polícia. As três ativistas tomaram a decisão de viajar para Belém até o checkpoint, para que pudessem observar o que estava acontecendo lá com seus próprios olhos. Em questão de semanas, elas se juntaram a 30 ativistas que começaram a visitar postos de controle em Jerusalém e as zonas circundantes. As primeiras ativistas da organização foram recrutadas entre os membros das Mulheres em Preto. A adesão à organização é dada a todos aqueles que se oferecem para participar no monitoramento nos pontos de verificação.

Em 2002, devido à cobertura da mídia da organização atraiu 200 membros. Com sede em Tel Aviv as voluntárias começaram a observar postos de controle no coração da Cisjordânia. No seu auge a adesão atingiu 400 voluntários em 2004.

O grupo também expressou preocupação sobre o que elas chamam de “a resposta israelense excessiva a Intifada Al Aqsa e o encerramento prolongado e cerco de vilas e cidades na Cisjordânia”

Entre as atividades do grupo estao: 1. observar e documentar a conduta dos soldados nos postos de controle, 2.observar e documentar em centros de detenção militares e Tribunais Militares, 3. realização de atividades em aldeias palestinas, 4 ajuda com questões burocráticas, 5.nteração com o público.

Como é possível perceber, em Israel há uma pluralidade de pessoas cuja a mídia não mostra, há muitas pessoas lá empenhadas em construir a Paz entre Palestina e Israel e que não concordam com várias politicas de Israel em relação aos palestinos.
http://www.en.machsomwatch.org/

 

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s