Ode descontínua para Hades

 

Même sans ta présence, je vais t’aimer
Même sans espérane, je vais t’aimer
Tous les jours de ma vie
Dans mes poèmes, je t’écrirai:
“C’est toi que j’aime, c’est toi que j’aimerai
Tous les jours de ma vie”

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s